Sua empresa está preparada para iniciar uma negociação internacional?

Como os alemães pensam em determinada situação? Como eles percebem o estilo de comunicação e a negociação em si? Como adaptar a forma de se comunicar e negociar, a fim de obter mais confiança das empresas alemãs? Essas e outras questões serão abordadas no curso Negociação Internacional com Foco Brasil – Alemanha, que ocorre nos dias 1º e 2 de outubro, a partir das 18h50, na sede da AHK Paraná.

O evento, promovido pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha, será conduzido pelo palestrante e sócio da Berliner Programm, Mathias Michael Oefelein, e também tem como objetivo fazer com que os participantes entendam as diferenças culturais e como elas interferem nas negociações internacionais.

Durante o curso, serão feitas simulações de situações reais junto aos participantes, que serão filmados e receberão um feedback imediato do instrutor da AHK Paraná. “Assim podemos apontar as diferenças culturais e de percepção, para então trabalhar individualmente o estilo de cada participante para um melhor desempenho com negociadores alemães”, explica Oefelein.

Além disso, serão apresentadas dicas para as empresas brasileiras que buscam iniciar possíveis negociações com a Alemanha. Se você tem interesse, atenção a essas valiosas dicas:

· Cuidado com a primeira impressão: essa primeira impressão conta muito, cuide para não passar uma imagem errada. O comportamento no início de uma negociação é bem diferente entre brasileiros e alemães. Executivos da Alemanha tendem a ir diretamente ao assunto. No Brasil, começamos com uma abordagem mais social.

· Comunicação direta: o estilo de comunicação dos alemães é bem direto. Adapte sua forma de se comunicar e seja objetivo. Faça as suas perguntas e respostas da forma mais direta possível. Se a resposta é não, diga não. Normalmente, os alemães não entendem sinais e linguagem indireta.

· Estruture as suas propostas verbais: os alemães gostam de propostas bem estruturadas. Muitas vezes, os brasileiros misturam propostas com argumentos. Ou seja, começam uma proposta, explicam um detalhe ou outro, e terminam argumentando sobre determinada vantagem ou problema. Não faça isso! Apresente a sua proposta de forma mais clara e estruturada possível.

· Prepare-se bem, os alemães são detalhistas: antecipe qualquer pergunta, memorize fatos, dados e detalhes. Assim, os alemães terão mais confiança em você.

· Os alemães enxergam uma conversa ou negociação de forma diferente dos brasileiros: eles têm uma outra perspectiva. Portanto, cuidado para eles não te julgarem de forma errada. Um treinamento como este sobre “Negociação Internacional “, da AHK Paraná, poderá ajudá-lo a criar consciência em relação às diferenças culturais.

Negociação Internacional com Foco Brasil-Alemanha (Curso AHK Paraná)

Data: 1º e 2 de outubro (terça e quarta-feira)

Horário: 18h50 às 22h50

Local: Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha |Rua Duque de Caxias, 150 – São Francisco – Curitiba (PR)

Inscrições e informações: (41) 3323-5958 ou ahkparana@ahkbrasil.com

Adicionar aos favoritos o permalink.

Os comentários estão encerrados.