Maringá realiza TICNOVA entre 17 e 19 de agosto

Foto: divulgação

Foto: divulgação

Foi lançado, na sede da ACIM, o TICNOVA, o maior encontro de tecnologia da informação e comunicação (TIC) do interior do Paraná. O evento será realizado nos dias 17 e 18 deste mês e reunirá empresários, profissionais, professores, pesquisadores e acadêmicos do setor com o objetivo de promover a integração de pessoas com vistas a criação de empresas, produtos e serviços inovadores.

Durante o lançamento, as autoridades presentes reafirmaram o compromisso com o desenvolvimento a tecnologia da informação e comunicação (TIC) e com a transformação de Maringá e Região em pólo nacional do setor.

“O TICNOVA consolida este cenário reforçando uma característica da nossa região que é a grande sinergia existente entre as empresas, as academias e o poder público. Maringá se destaca por ter uma agenda positiva das lideranças que buscam, com criatividade, alternativas para o desenvolvimento sustentável”, frisa o presidente da Software by Maringá (SbM), Edney Mossambani.

O presidente quebrou o protocolo do evento e convidou a professora Dra. Itana Maria de Souza Gimenes, coordenadora da área de Engenharia de Software da Universidade Estadual de Maringá, para um “ato histórico”: assinar a filiação da UEM como Sócia Benemérita da SbM. “Fazia muito tempo que estávamos lutando por esta parceria que, agora, se viabilizou”, comentou a professora.

Em seu pronunciamento, o presidente da ACIM, José Carlos Valêncio, disse que o volume de pessoas envolvidas no setor de TIC e de ações realizadas impressiona. “Me lembro que quando o setor começou a se unir, a associação comercial apoiou as primeiras ações. Esta é uma indústria que não existia e que é uma realidade muito em função do associativismo que esta no DNA dos maringaenses”.

O presidente do SindTI, Marcese Maschietto, lembrou que o Brasil está gerando muita tecnologia que não é vista, mas que permeia todos os setores. “Maringá também produz tecnologia e já é uma referência lá fora. Nossos sonhos se tornarão realidade porque essa semente foi plantada por todos”.

Representando as academias, o pró reitor da Unicesumar, Valdecir Simão, disse que a união dos maringaenses tem feito com que a cidade “se destaque, promova e produza”. Segundo ele, o setor trabalha com informação e conhecimento com o objetivo de transformar as pessoas e o mundo. Finalizando, ele frisou que eventos como o TICNOVA trazem soluções para a vida das pessoas e para as empresas.

O Diretor do Conselho de Desenvolvimento Econômico de Maringá, João Ricardo Tonin, ressaltou que o TICNOVA tem um impacto maior a cada ano. “Cada vez mais nossas empresas criam soluções para problemas globais e isto se deve à união do setor”. Paulo Garcia, da Benner, complementou, em nome das empresas patrocinadoras, que o TICNOVA traz informações novas e contribui para melhorar a vida das pessoas e das empresas.

Luiz Fernando Braga Lopes, Coordenador de Análise e Desenvolvimento de Sistemas da FCV e que foi um dos organizadores das primeiras edições do TICNOVA, disse que “o evento aquece o coração dos alunos e desperta a curiosidade para a busca de inovação”. Para o presidente da Assespro Paraná, Sandro Molés Silva, o evento é mais um grande passo de Maringá para se tornar um pólo mundial de TI.

O presidente do Armazém Digital, Ilson Rezende, lembrou que no início do movimento de união das empresas TI, um dos maiores sonhos é que o setor tivesse um grande evento consolidado. “Hoje temos esse evento que nos apresenta a cada ano novas tecnologias e informações estratégicas. Maringá vem se moldando para criar soluções corporativas e produtos globais”, sintetizou o dirigente.

O vereador Ulisses Maia lembrou que, ao longo de várias gestões, elaborou vários projetos para o setor, como o de 1997, quando criou o Polo de Informática. Ele também lembrou que é um dos responsáveis pela elaboração do projeto do ISS Tecnológico, editado pela prefeitura. “É um setor importante, que gera empregos qualificados e em que a maior parte da arrecadação fica em Maringá”.

Em nome da Feitep, a professora Pós-Doutora Tania Tait, lembrou que em 2006 foi representante da UEM no APL de Software. “Na época foi feito um planejamento para o desenvolvimento do setor que vem sendo cumprido, inclusive com a criação do TICNOVA”.

Franz Del Belo, do CTM/Senai, que também já coordenou ações do TICNOVA disse que o evento tomou “um corpo muito grande” e é uma referência em nível nacional. O diretor geral da Secretaria de Indústria e Comércio, Armando Emori, elogiou os empresários do setor pela realização do evento.

19 de agosto – Agende-se

A abertura TICNOVA será no dia 17 de agosto às 19 horas no Teatro Calil Haddad com a palestra magna “Empreendedorismo e Resiliência”, que será ministrada pelo empresário João Ricardo Mendes – Fundador do Hotel Urbano.

No dia 18, entre 8 e 17:30, haverá exposição dos trabalhos científicos e tecnológicos, além de minicursos abordando temas como Startups, computação gestual, games, drones, cloud computing, Realidade Virtual em Dispositivos Móveis, mercado de Internet das Coisas, desenvolvimento de produtos, metodologias ativas, Programação em Cordova e Ionic, e Business Model – Canvas Modelando seu Projeto.

O evento é uma realização da Software By Maringá, SindTI e APL de Software, com co-realização do Sebrae e Senai e apoio da Prefeitura de Maringá. Inscrições e programação completa no endereço http://www.ticnova.com.br .

Por Dirceu Herrero

Fonte: https://ciranda.me/sbm/software-by-maringa/post/lancamento-do-ticnova-2016

Marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , .Adicionar aos favoritos o permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.