Inscrições abertas para a terceira edição do Inova Talentos

Empresas e indústrias interessadas em inovar processos, produtos e serviços têm até o dia 5 de dezembro para se inscrever na terceira edição do programa Inova Talentos. A iniciativa é do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) para incentivar a inovação nas empresas brasileiras. Para participar do programa é preciso submeter projetos inovadores, que serão avaliados por uma equipe de especialistas do CNPq. Empresas que tiverem essas iniciativas aprovadas vão receber trainees bolsistas, que desenvolverão os projetos, pelo período de um ano.

“A inovação é um fator fundamental para que nossas empresas se tornem ainda mais competitivas no mercado interno e externo. Essa é uma oportunidade para que as indústrias possam refletir sobre a importância de inovar e desenvolver novas iniciativas que possam alavancar os negócios”, destacou o superintende do IEL no Paraná, José Antonio Fares.

Os trainees, que devem estar no último ano da graduação ou recém-formados (até três anos), receberão bolsas que variam de R$ 1,5 mil a R$ 3 mil. A seleção, a capacitação e o acompanhamento desses profissionais é feito pelo IEL. As empresas podem submeter mais que um projeto e ter até três profissionais para desenvolver a proposta. Até 2015, o programa vai ofertar cerca de mil bolsas em todo o Brasil.

Empresas interessadas em participar da terceira edição do Inova talentos devem entrar em contato com o IEL regional, pelo telefone (41) 3271-7960 e obter login e senha de acesso para o Portal da Indústria. A empresa também vai receber da equipe do IEL todas as orientações sobre como submeter o projeto. Os que forem aprovados serão divulgados no dia 19 de janeiro de 2015.

Inova em números

A primeira edição do Inova Talentos foi lançada em 2013. Foram submetidos 229 projetos em todo o Brasil e destes, 179 foram aprovados pelo CNPq. No Paraná, oito empresas tiveram 19 projetos aprovados, entre elas, Bosch, Renault, Barion e Neodent. Vinte e seis trainees foram contratados para o desenvolvimento dos projetos, que devem ser finalizados no início de 2015. Na segunda edição, foram 226 projetos em todo o Brasil, sendo 15 aprovados no Paraná. Para desenvolver as iniciativas, foram abertas 25 vagas para trainees. Os investimentos do programa no Estado somam cerca de R$ 1 milhão.

Para mais informações acesse www.ielpr.org.br

Marcado , , , , .Adicionar aos favoritos o permalink.

Os comentários estão encerrados.